Divulgação do discurso político: as metáforas de Lula e suas formas de interdição

Andréia da Silva Daltoé

Resumo


A partir dos pressupostos teóricos da Análise do Discurso de linha francesa pêcheuxiana, analisaremos, no presente estudo, as formas de divulgação das metáforas de Lula (ML) pela mídia, durante o período em que Lula ocupou a função de Presidente do Brasil – os mandatos de 2002/2006 e 2006/2010. Para isso, organizamos nosso corpus por recortes de revistas e de jornais que se propuseram a divulgar as ML no espaço-tempo em questão, a fim de investigar por que os sentidos atribuídos a estes dizeres, em sua maioria, os deslocam para o espaço do erro, do desvio, do absurdo e da ignorância. Nossa proposta é observar se este estranhamento em relação às ML representa o sintoma de um incômodo causado pela mexida que este funcionamento discursivo vai causar nos sentidos estabilizados da língua política, cuja divulgação pela mídia se construirá enquanto interpretação única e possível.

Palavras-chave


Discurso Político; Metáforas de Lula; Mídia

Texto completo:

PDF


Ling. disc. Universidade do Sul de Santa Catarina, Santa Catarina, ISSN 1982-4017

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.