Sujeito, discurso e vida urbana: um estudo contrastivo de discursos sobre a exclusão social no Brasil e na Espanha

Anna Elizabeth Balocco, Maria Labarta Postigo

Resumo


Neste artigo, apresenta-se um estudo contrastivo de discursos sobre a exclusão social através da análise de videoclipes produzidos por mulheres rappers no Brasil e na Espanha, segundo princípios da Análise Crítica do Discurso e com foco na construção da identidade. A análise das práticas de identificação das rappers sugere que a alteridade se expressa de forma distinta nos dois discursos: enquanto o “outro” articula-se, no discurso da rapper brasileira, através de estratégias léxico-gramaticais de indeterminação (“essa gente”) ou abstração (“a sociedade”), no da rapper espanhola há estratégias de funcionalização (“os políticos”) e objetivização (“o dinheiro”). Ou seja, há mais indeterminação do “outro” no caso da rapper brasileira.

Palavras-chave


Gênero social; Identidade; Exclusão social; Música; Videoclipe

Texto completo:

PDF


Ling. disc. Universidade do Sul de Santa Catarina, Santa Catarina, ISSN 1982-4017

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.