A compreensão de metáforas por portadores de lesão no hemisfério direito: uma investigação a ser (re)considerada

Sônia Regina Victorino Fachini

Resumo


Observações clínicas de pacientes com hemisfério direito lesionado mostram que, apesar de apresentarem preservadas suas habilidades lingüísticas, eles possuem preferências em assinalar as interpretações literais, rejeitando as implicações metafóricas. Este artigo apresenta o resultado de um estudo empírico realizado com sujeitos destros normais e sujeitos destros portadores de lesão no hemisfério direito, em específico na artéria média cerebral, em três tarefas de compreensão de metáforas. Os dados colhidos revelaram algumas tendências divergentes da literatura, pois não foram encontradas diferenças significativas entre as duas populações testadas.

Palavras-chave


Processamento cognitivo; Metáfora; Sentido metafórico; Hemisfério direito

Texto completo:

PDF


Ling. disc. Universidade do Sul de Santa Catarina, Santa Catarina, ISSN 1982-4017

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.