Esforço cognitivo e efeito contextual em tradução: relevância no desempenho de tradutores novatos e expertos

Fábio Alves

Resumo


Este artigo investiga a relação entre esforço cognitivo e efeito contextual postulada pela Teoria da Relevância quando aplicada ao estudo do processo de tradução. Para tanto, analisa o desempenho processual de tradutores novatos e expertos nos pares lingüísticos inglês-português e inglês-espanhol. A análise dos dados demonstra a pertinência da proposta de Gutt (1998) de se redefinir a noção de esforço na conceituação de relevância e apresenta evidências de que a relação esforço/efeito em tradução é mediada pela meta-representação que o tradutor tem dos textos de partida e de chegada.

Palavras-chave


Teoria da relevância; Esforço cognitivo; Efeito contextual; Processo de tradução

Texto completo:

PDF


Ling. disc. Universidade do Sul de Santa Catarina, Santa Catarina, ISSN 1982-4017

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.