Os caminhos de onde no português do Brasil: instrumentos lingüísticos e deriva

Maria Marta Furlanetto

Resumo


Este trabalho – focalizando o uso de onde no português brasileiro – é tópico de uma pesquisa que tem como objetivo estudar, em dados coletados em documentos escritos que (supostamente) utilizam o português padrão, as tendências à "deriva" em vários níveis (lexicológico, morfossintático, semântico, discursivo), buscando especificar fatores discursivos dessa deriva. A análise do corpus mostra um distanciamento gradual relativamente ao que preconizam os instrumentos lingüísticos, apontando um uso em que há dispersão e deslizamento semântico, mostrando-se que, para além da referência de onde a tempo, ocorrem casos de referência a processo, a meio ou ponto de partida e a explicação que tem como escopo uma seqüência significativa.

Palavras-chave


Escrita formal; Instrumentos lingüísticos; Mudança

Texto completo:

PDF


Ling. disc. Universidade do Sul de Santa Catarina, Santa Catarina, ISSN 1982-4017

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.