“O senador Arruda consultou, pediu ou ordenou?”: uma análise dos atos de fala da acareação do senado

Wânia Terezinha Ladeira

Resumo


Recentemente, na história brasileira, houve um acontecimento marcante muito divulgado pela imprensa: o julgamento de dois influentes senadores acusados de violação do painel eletrônico de votação do senado. No discurso da mídia sobre a divulgação do acontecimento, o uso de três atos de fala foi preponderante: consultar, pedir e ordenar. Assim, nós analisamos esses três atos de fala com as suas respectivas forças ilocucionárias e investigamos como a escolha por um deles influenciaria o desfecho dos acontecimentos.

Palavras-chave


Discurso; Acareação do senado; Atos de fala

Texto completo:

PDF


Ling. disc. Universidade do Sul de Santa Catarina, Santa Catarina, ISSN 1982-4017

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.