Os limites do contexto: a constituição da escrita escolar em objeto dos estudos linguísticos

Émerson de Pietri

Resumo


No presente trabalho, apresentam-se resultados de investigação em que se observou o processo histórico de constituição da escrita escolar em objeto de pesquisas acadêmicas. Analisaram-se relatórios de pesquisas desenvolvidas em programas de pós-graduação nas três últimas décadas do século XX. Procurou-se compreender o processo em questão enquanto constituição de um espaço discursivo específico. A investigação evidenciou o processo de redefinição dos modos como representado o contexto em que se elaboraria o texto escrito escolar. Com base no (re)posicionamento dos limites contextuais entre o intra e o extraescolar estabeleceram-se e alteraram-se índices enunciativos para a referência de pessoa, tempo e espaço. As posições ocupadas pelos pesquisadores em relação a esses índices possibilitaram a apropriação de saberes para a constituição da escrita escolar em objeto de discurso.

Palavras-chave


Interdiscurso; Pesquisa Acadêmica; Escrita Escolar

Texto completo:

PDF/A


Ling. disc. Universidade do Sul de Santa Catarina, Santa Catarina, ISSN 1982-4017

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.