Negação metalingüística e pressuposto: algumas considerações semântico-pragmáticas

Mariléia Silva dos Reis

Resumo


Resumo: Este trabalho tem por objetivo apresentar algumas reflexões sobre a negação metalingüística no quadro das teorias semântico-pragmáticas. Estas reflexões restringem-se a uma tentativa de sistematização de alguns estudos sobre o pressuposto, em relação a sua manutenção ou a seu cancelamento, em proposições cujo conteúdo posto é negado (Ducrot, 1977, 1987; Gazdar, 1979; Levinson, 1983; Horn, 1989; Moura, 1998). Pretende-se também procurar evidências empíricas deste tipo de negação (no Banco de Dados do Projeto VARSUL/UFSC) no sentido de corroborar a hipótese segundo a qual um pressuposto pode ser negado pragmaticamente, a depender das crenças e do conhecimento compartilhado que se tem em relação ao interlocutor de um enunciado.

Abstract: The objetive of this work is to show some thoughts about the metalinguistic denial on the frame of the semantic-pragmatic theories. These thoughts restrict to a attempt of the systematization of the some studies about the maintenance or cancellation of pressupposition whose placed content is denied (Ducrot, 1977, 1987; Gazdar, 1979; Levinson, 1983; Horn, 1989; Moura, 1998). I intend to look for empiric evidences about this sort of denials, at the Varsul/UFSC Project Data Basis, for corroborate the hypothesis according to the pressupposition can be pragmatically denied, depending on the believes and the shared knowledge the locutor has in the relationship to the interlocutor of the statement.


Palavras-chave


Semântica; Semântica argumentativa; Negação metalingüística

Texto completo:

PDF


Ling. disc. Universidade do Sul de Santa Catarina, Santa Catarina, ISSN 1982-4017

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.