Decisões estratégicas e informação: sensemaking organizacional como abordagem alternativa

Pedro Claudio Coutinho Leitão, Mônica E. Nassif

Resumo


O objetivo deste trabalho é estabelecer uma relação entre informação, decisão estratégica e sensemaking organizacional. Muitos são os estudos sobre o processo decisório nas organizações que estabelecem uma relação entre informação e decisão. A maior parte utiliza a abordagem racional. Este artigo procura demonstrar as limitações da abordagem racional e caminhar para uma abordagem alternativa, baseada da teoria de sensemaking, que concebe a informação dentro da dimensão humana. Por meio de uma revisão das abordagens sobre o processo decisório e informação, propõe uma relação entre decisão estratégica e informação na perspectiva do sensemaking organizacional desenvolvida por Karl Weick, como abordagem alternativa. Conclui argumentando que uma decisão estratégica se inicia somente quando a informação faz sentido, ou seja, quando através de um processo de interação humana produz um significado que dá sentido à ação.

Palavras-chave


Informação e Tomada de Decisão; Decisões estratégicas; Sensemaking organizacional

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.19177/reen.v2e12009136-157

##plugins.generic.alm.title##

##plugins.generic.alm.loading##

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


R. eletr. estrat. neg.Universidade do Sul de Santa Catarina, Santa Catarina, ISSN 1984-3372

Licença Creative Commons


REEN is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivs 3.0 Unported .