IMAGEM DE PRODUTO: UM ESTUDO EXPLORATÓRIO DA IMAGEM DE MÓVEIS DE AÇO

Marlon Bissani Cucchi, Deonir De Toni, Gabriel Sperandio Milan

Resumo


O estudo teve como objetivo identificar a configuração da imagem do produto móveis de aço por meio da Técnica de Configuração de Imagem de Produto (TCIP). Foram entrevistados 25 universitários e, a partir da análise de conteúdo das respostas, foram identificados os atributos que compõem a imagem central. Os 31 atributos identificados foram ordenados de maneira decrescente pelos valores totais, e foram categorizados em cinco dimensões da imagem. Os atributos identificados na imagem central foram durabilidade, prateleira, armário, organização, praticidade, resistentes e cor cinza. Em relação às dimensões, as que se destacaram foram a cognitiva e a funcional.


Palavras-chave


Configuração de Imagens; Imagem de Produto; Técnica de Configuração da Imagem de Produto (TCIP); Comportamento do Consumidor; Móveis de Aço.

Texto completo:

PDF/A

Referências


AAKER, D. A; KUMAR, V.; DAY, G. S. Pesquisa de marketing. 2. ed. São Paulo: Atlas, 2009.

ABRIC, J. C. A theoretical and experimental approach to the study of social representations in a situation of interaction. In: FARR, R. M.; MOSCOVICI, S. (eds.). Social representations. Cambridge: Cambridge University Press, 1984. p. 169-183.

ABRIC, J. C. Central system, peripheral system: their functions and roles in the dynamics of social representations. Papers on Social Representations, v. 2, n. 2, p. 75-78, 1993.

ABRIC, J. C. Les représentations sociales: aspects théorique. In: ABRIC, J. C. (ed.). Pratiques sociales et représentations. Paris: Presses Universitaire de France, 1994. p. 11-35.

ABRIC, J. C. Specific processes of social representations. Papers on Social Representations, v. 5, n. 1, p. 77-80, 1996.

ALLEN, M. W. The attribute-mediation and product meaning approaches to the influences of human values on consumer choices. In: COLUMBUS, F. (ed.). Advances in psychology research. Huntington: Nova Science Publishers, 2000. chapter 3, p. 31-76.

ALLEN, M. W. A practical method for uncovering the direct and indirect relationship between human values and consumer purchases. Journal of Consumer Marketing, v. 18, n. 2, p. 102-120, 2001.

ALLEN, M. W.; NG, S. H.; WILSON, M. The functional approach to instrumental and terminal values and the value-attitude-behavior system. European Journal of Marketing, v. 36, n. 1-2, p. 111-135, 2002.

BARDIN, L. Análise de conteúdo. Lisboa: Ed. 70, 2004.

BARICH, H.; KOTLER, P. A framework for marketing image management. Sloan Management Review, v. 32, n. 2, p. 94-104, 1991.

BAUER, M. W.; GASKELL, G. Pesquisa qualitativa com texto, imagem e som: um manual prático. 7. ed. Petrópolis: Vozes, 2008.

BOULDING, K. E. The image: knowledge in life and society. 6th printing. Ann Harbor: University of Michigan, 1968.

CHAPMAN, J. A.; FERFOLJA, T. Fatal flaws: the acquisition of imperfect mental models and their use in hazardous situation. Journal of Intellectual Capital, v. 2, n. 4, p. 398-409, 2001.

DAMÁSIO, António R. O erro de Descartes: emoção, razão e o cérebro humano. 2. ed. São Paulo: Cia. das Letras, 2005.

DE TONI, D. Administração da imagem de produtos: desenvolvendo um instrumento para configuração da imagem de produto. 2005. 268 f. Tese (Doutorado em Administração). Porto Alegre: Escola de Administração, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, 2005.

DE TONI, D. Administração da imagem de organizações, marcas e produtos. In: KUNSCH, M.M.K. (org.). Comunicação organizacional. Vol. 1. São Paulo: Saraiva, 2009. cap. 11, p. 235-268.

DE TONI, D.; SCHULER, M. Gestão da imagem: desenvolvendo um instrumento para a configuração da imagem de produto. RAC – Revista de Administração Contemporânea, v. 11, p. 131-151, 2007.

DOBNI, D.; ZINKHAN, G. M. In search of brand image: a foundation analysis. Advances in Consumer Research, v. 17, n. 1, p. 110-119, 1990.

FARR, R. M. Theory and method in the study of social representations. In: BREAKWELL, G. M.; CANTER, D. (eds.). Empirical approaches to social representations. Oxford: Clarendon Press, 1993. p. 15-38.

GUARESCHI, P. Os construtores da informação: meios de comunicação, ideologias e ética. Petrópolis: Vozes, 2000.

HITE, R. E.; BELLIZZI, J. A. The psychological relationship between self-image, product-image and store-image with regard to retailing. Mid-South Business Journal, v. 5, p. 7-11, 1985.

JODELET, D. Representações sociais: um domínio em expansão. In: JODELET, D. (org.). As representações sociais. Rio de Janeiro: EDUERJ, 2001. p. 17-44.

KING, N.; HORROCKS, C. Interviews in qualitative research. Thousand Oaks: Sage Publications, 2010.

MALHOTRA, N. K. Pesquisa de marketing: foco na decisão. 3. ed. São Paulo: Pearson, 2011.

MILAN, G. S.; DE TONI, D. A configuração das imagens dos gestores sobre o conceito de estratégia. RAM – Revista de Administração Mackenzie, v. 9, n. 6, p. 102-125, 2008a.

MILAN, G. S.; DE TONI, D. A configuração das imagens dos gestores sobre o conceito de estratégia. REBRAE – Revista Brasileira de Estratégia, v. 1, n. 1, p. 57-72, 2008b.

MILAN, G. S.; ALTHAUS, A. A.; DE TONI, D.; EBERLE, L.; LAZZARI, F. A imagem dos acessórios de esquadrias de PVC: um estudo comparativo entre os produtos de origem chinesa e europeia. Qualit@s Revista Eletrônica, v. 15, n. 1, p. 1-17, 2014.

MILAN, G. S.; GASPARIN, F. M.; DE TONI, D. A configuração da imagem de um shopping center na percepção de consumidores locais. REAd – Revista Eletrônica da Administração, v. 19, n. 1, p. 83-114, 2013. Acesso em: 01 abr. 2015. Disponível em: < http://www.seer.ufrgs.br/read/ >.

MINAYO, M. C. S. O conceito de representações sociais dentro da sociologia clássica. In: JOVCHELOVITCH, S.; GUARESCHI, P. (org.). Textos em representações sociais. Petrópolis: Vozes, 1997. p. 89-111.

MOSCOVICI. S. On social representations. In: FORGAS, J. P. (ed.). Social cognitions: perspectives on everyday understanding. London: Academic Press, 1981.

MOSCOVICI, S. The phenomenon of social representations. In: FARR, R.; MOSCOVICI, S. (eds.). Social representations. Cambridge: Cambridge University Press, 1984. p. 3-69.

MOSCOVICI. S. Social Representation: explorations in social psychology. Cambridge: Polity Press, 2000.

PARTEE, B. Semantics: mathematics or psychology? In: BAURLE R.; EGLI U.; VON STECHOW, A. (eds.). Semantics from different points of view. Berlin: Springer, 1979.

PLATÃO. Diálogos: o banquete, Fédon, Sofista, Político. 5. ed. São Paulo: Nova Cultural, 1991.

RIBEIRO, J. L. D.; MILAN, G. S. Planejando e conduzindo entrevistas individuais. In: RIBEIRO, J. L. D.; MILAN, G. S. (eds.). Entrevistas individuais: teoria e aplicações. Porto Alegre: FEEng/UFRGS, 2004. cap. 1, p. 9-22.

RODRÍGUEZ, J. J. O. Imágenes mentales. Barcelona: Paidós, 1996.

SÁ, C. P. Sobre o núcleo central das representações sociais. Petrópolis: Vozes, 1996.

SÁ, C. P. A construção do objeto de pesquisa em representações sociais. Rio de Janeiro: EDUERJ, 1998.

SCHREIER, M. Qualitative content analysis in practice. London: Sage Publications, 2012.

SCHULER , M. Administração da imagem organizacional: um método de configuração da imagem organizacional. Porto Alegre: UFRGS/EA/PPGA, 2000.

SCHULER, M.; DE TONI, D.; MILAN, G. S. New development in ICM: image configuration method. African Journal of Business Management, v. 8, n. 6, p. 180-190, 2014.

SENGE, P. M. A quinta disciplina: arte e prática da organização de aprendizagem. São Paulo: Best Seller, 1990.

SHETH J. N., PARVATIYAR A. Relationship marketing in customer markets: antecedents and consequences. Journal of the Academy of Marketing Science, v. 23, n. 4, p. 255-271, 1995.

SPINK, M. J. Desenvolvendo as teorias implícitas: uma metodologia de análise das representações sociais. In: JOVCHELOVITCH, S; GUARESCHI P. (org.). Textos em representações sociais. 2. ed. Petrópolis: Vozes, 1995. p. 117-143.

STERN, B.; ZINKHAN, G. M.; JAJU, A. Marketing images: construct definition, measurement issue, and theory development. Marketing Theory, v. 1, n. 2, p. 201-224, 2001.

STILLINGS, N. A. et al. Cognitive science: an introduction. Cambridge: The MIT Press, 1995.

TORRES, C. V.; ALLEN, M. W. Influência da cultura, dos valores humanos e do significado do produto na predição de consumo: síntese de dois estudos multiculturais na Austrália e no Brasil. RAM – Revista de Administração da Mackenzie, v. 10, n. 3, p. 127-152, 2009.

VERGÈS, P. L’evocation de lárgent: une méthode pour la definition du noyau central dune representation. Bulletin de Psychologie, v. 45, n. 405, p. 203-209, 1992.

VERGÈS, P.; TYSZKA, T. Noyau central, saillance et propriétés structurales. Papers on Social Representations, v. 3, n. 1, p. 3-12, 1994.




DOI: http://dx.doi.org/10.19177/reen.v8e220153-25

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


R. eletr. estrat. neg.Universidade do Sul de Santa Catarina, Santa Catarina, ISSN 1984-3372

Licença Creative Commons


REEN is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivs 3.0 Unported .